11.10.10

Uma promessa que fiz e pretendo manter é a de que não posso deixar de curtir a viagem para escrever no blog. Vocês me entendem, não é? Um bom viajante nunca perde a oportunidade de conhecer mais uma atração turística por nada deste mundo! Bom, pelo menos os "fominhas" como eu...

Mas prometo não abandonar o blog! Sempre arranjarei um tempinho, como agora, no voo de Atenas para Santorini.

Toda esta introdução é para pedir desculpas aos que acompanham nossos perrengues e já estão sem notícias nossas há dois dias.

O cansaço das noites em branco para deixar o trabalho todo em ordem antes da viagem bateu para valer no terceiro dia. E todo tempo livre foi usado para dormir o máximo possível. Por isso nossa ausência por aqui.

Mas vamos ao que interessa: nossos dois últimos dias em Atenas.

No segundo dia, acordamos cheios de disposição para passar o dia dentro do Museu Arqueológico de Atenas. E demos de cara com a porta. O museu só abre 13h30min. Bom, pelo menos fecha às 20h.

O que fazer até lá? Ver a troca da guarda que ocorre de uma em uma hora! Gente, que roupa é aquela?! Este foi o primeiro pensamento. Espia só:





Mas o uniforme não é nada perto da coreografia. Na boa, como é que eles fazem aquilo sem rir??? Eu tentei me conter sem muito sucesso.





Dali fomos a pé até o Arco de Adriano (131 – 132 A.C.)



e o Templo de Zeus Olímpico.



O templo é muito interessante, as pilastras são enormes e estão bem conservadas.





Além disso, tem-se uma bonita visão da Acropole dali.



Se bem que a Acrópole é como o Cristo Redentor, vê-se de qualquer lugar da cidade.

E então retornamos para o museu. Nem preciso dizer que fui convidada a me retirar do museu porque queriam fechar, né? Já é o quarto museu da onde me varrem...

E, infelizmente, não deu tempo de ver tudo. O museu tem um material incrível em quantidade e qualidade. Para que o tesouro não se perdesse ou fosse saqueado durante a Segunda Guerra Mundial, algumas peças chegaram a ser enterradas!

Logo no térreo, está a coleção da Idade do Bronze. São jóias, vasos, utensílios etc, em sua maior parte da Era Minóica, entre 3000 e 1000 anos antes de Cristo (tem noção?!). O tesouro incluía a máscara mortuaria de Agamenon.





O primeiro andar inteiro é só de estátuas. Fiquei encantada com a coleção de Kouros.



Acabei perdendo um tempo enorme neste andar. Depois subi correndo para ver a coleção de vasos.

Eles contam a técnica usada para fazer aqueles vasos nas cores preta e laranja, mostram como eles serviram para os arqueólogos estudarem e diferenciarem a sociedade de cada época, além de terem um acervo de vários tipos de vasos em formatos diferentes de acordo com sua utilidade.

Quando estava quase terminando esta parte, uma mocinha delicadamente me avisou que iam fechar o museu em vinte minutos e que eu deveria retornar dali. Um pouco frustrada, fui procurar o Bruno, que, a esta altura, preocupado em olhar todo o museu, ainda que fosse no esquema “tá visto”, se separara de mim.

Segundo ele, ainda havia no museu uma exposição egípcia, uma de artigos em vidro e outra de artigos feitos em bronze.

Exaustos e mortos de fome, pegamos o metrô e terminamos nosso dia no bairro de Psyrrí, cheio de restaurantes típicos bastante simpáticos. Escolhemos um e provamos finalmente o autêntico churrasco grego.

11 comments :

  1. Cara fala sério! Turista é foda. Acordaram o cara de pantufa e disseram que ele é da guarda. DEIXA O CARA DORMIR!

    ResponderExcluir
  2. Ah! Esqueci. Este cara morde a fronha.

    ResponderExcluir
  3. A dancinha deles é mais comprometedora, aliás vc viu os fundilhos dele qnd ele levanta a perna!?

    ResponderExcluir
  4. Sem desculpas, estou a dois dias sem viajar...rsrsrs.
    Falando sério, o blog está muito bom e dá vontade de conferir a viagem de vocês em tempo real. Ninguém mandou caprichar!! Mas vocês estão curtindo férias, vou dar um desconto :-)

    ResponderExcluir
  5. Vocês comeram um churrasco grego no restaurante, tá muito chique. Tinha que ser aquele de rua...rs!

    ResponderExcluir
  6. Não sabia que os vasos nas cores preta e laranja difereciam a sociedade de cada época, interessante...

    ResponderExcluir
  7. Valeu! Estavamos ficando desanimados com a pouca quantidade de visitas aqui no blog, mas agora estamos mais felizes! Os comentários animam ainda mais o blog. ;-)

    ResponderExcluir
  8. Fico superfeliz de ver que vcs estão gostando! Tá sendo muito divertido escrever também. Só queria ter mais tempo... É muita correria!Mas é muito bom!!!

    ResponderExcluir
  9. muito bom e vc escreve de uma maneira bem divertida.Adorei o pompom do sapato e super fashion os fios caindo ao lado da boina...rs

    ResponderExcluir
  10. Oi Lia! Que bom que você gostou do nosso blog!!! Saudades! Bjs.

    ResponderExcluir